quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Poluição das águas...

Cruzadas com rios e serras

1

  

  

  

2   

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

3   

  

  

  

  

  

4   

  

  

  

  

  

  

  

5   

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

6   

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

7   

  

  

  

  

  

  

  

  

Pistas horizontais

1.     Serra algarvia onde nasce o rio Sado.

3.     O maior rio da Península Ibérica.

5.     Rio dos Poetas. Conta-se que Camões, quando estudava em Coimbra, se enamorou por muitas donzelas nas sua margens.

6.     Serra que separa os distritos do Porto e de Vila Real.

7.     Ponto mais alto de Portugal.

  
  

Pistas verticais

2.     Serra mais alta de Portugal Continental.

4.     Este rio possui um vale onde se produz o mais famoso vinho de Portugal.

6.     Rio minhoto que faz a fronteira entre Portugal e Espanha.

Ciclo da água

Os Rios

Rios de Portugal

Verifica os teus conhecimentos aqui , aqui ou jogo dos rios e serras.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Concurso para os alunos...

Já pensaste que podes escrever uma história e, com os teus colegas e ajuda da professora, rever o texto e dramatizá-la? de seguida que tal filmar essa dramatização e enviar para este concurso?


Não percas esta oportunidade!
Escreve e depois pede ajuda ao teu professor. (As inscrições são até 15 de Fevereiro).

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Colorir com código...


® -- Observa e pinta.

1. Amarelo

2. Vermelho

3. Azul claro

4. Escuro Verde

5. Laranja

6. roxo

7. Rosa

8. castanho

9. azul escuro

Palhaço


http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/desenhos-para-colorir-carnaval/imagens/carnaval-16.jpg


http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/desenhos-para-colorir-carnaval/imagens/carnaval-7.gif


http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/desenhos-para-colorir-carnaval/imagens/carnaval-8.gif


http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/desenhos-para-colorir-carnaval/imagens/carnaval-3.gif

Origens do Carnaval


O Carnaval é um período de folia próprio dos costumes ocidentais. Este período é constituído pelos três dias que antecedem a quarta-feira de cinzas, no calendário religioso ocidental, em que se inicia o período de abstinência ( jejum ) da Quaresma, que tem a duração de 40 dias. Daí o nome de Carnaval, «adeus carne».


Em Portugal, utiliza-se também a designação de Entrudo, nome que recorda a entrada na Quaresma..

As suas raízes encontram-se nos velhos cultos romanos que celebravam o fim do Inverno e o começo da Primavera. A data do Carnaval varia de acordo com a data do dia de Páscoa.

As comemorações do Carnaval estenderam-se para fora da Europa com a difusão do cristianismo. Ao longo dos tempos, o Carnaval foi sendo aproveitado para inúmeras brincadeiras, muitas delas troçando das autoridades, dos costumes e de certas personalidades. Batalhas de água, ovos e outras coisas são comuns nesta época, tornando este um período um pouco agitado . Já então era válido o ditado português: «É Carnaval, ninguém leva a mal!».

O Carnaval é festejado tradicionalmente numa terça-feira - terça-feira gorda - com desfiles, máscaras e brincadeiras. Actualmente, as celebrações são muitas vezes grandes eventos organizados por associações ou mesmo pelos municípios.

Em Portugal, as máscaras e brincadeiras permitem que homens, mulheres, ricos e pobres , façam crítica política e social, ao longo dos corsos em todo o país.

Brincando com as palavras…

Este queixo adorável

Esta boca tão saudável

Estes olhos de ouro

Estes cabelinhos de Ananás

Foge do Rato transmontano que te apanho!

Carolina Oliveira Duarte, 2 º ano


Este queixo durinho

Esta boca de sardinha

Estes olhos de fofinho

Esta testa de farinha

Estes cabelinhos de café

Foge rato que te dou um pontapé

Fábio Lopes Fontainhas, 2 º ano


Este queixo maroto

Esta faladora Boca

Estes olhos de garoto

Esta testa de encanto

Estes cabelos de espanto

Foge rato que te mato

Flávio Daniel Lopes Simões, 2 º ano


Este queixo empinado

Esta boca vermelha

Estes olhos de lavado

Esta testa de esguelha

Estes cabelinhos de repuxo

Foge rato que te puxo

Bruna Gomes, 2 º ano

domingo, 10 de janeiro de 2010

O dia de Reis pelo Agrupamento

Um pouco por todo o lado, as crianças saíram à rua para cantar as Janeiras (ou Reis)fazendo cumprir a tradição. Contudo também houve quem nos presenteasse com um momento mais teatral.
Ora vejam lá (apesar da qualidade do som) se não estamos perante um belo trabalho...


terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Ideias para moldes de coroas de rei

couronnes à colorier 1

coloriage de couronne modèle 1

coloriage de couronne modèle 2

coloriage couronne

coloriage couronne roi

coloriage couronne de roi

A LENDA DO BOLO-REI

Quando os Reis Magos foram visitar o Menino Jesus, perto da gruta onde estava o menino, os Reis Magos tiveram uma discussão para saber qual deles seria o primeiro a oferecer os presentes. Um artesão que por ali passava assistiu à conversa e propôs uma solução para o problema, de maneira a ficarem todos satisfeitos. O artesão resolveu fazer um bolo e meter uma fava na massa. Depois de cozido repartiu o bolo em três partes e aquele a quem saísse a fava seria o primeiro a oferecer os presentes ao Menino.
Assim ficou conhecido pelo nome de Bolo-rei e como tinha sido feito para escolher um rei passou a usar-se como doce de Natal.
Dizem que a côdea do bolo simboliza o ouro, as frutas simbolizam a mirra e o aroma, o incenso. No dia de Reis recordamos os três Reis Magos, Sábios do Oriente que vieram desde as suas terras até à humilde gruta de Belém, sempre seguindo uma estrela diferente das outras.
Montados em seus camelos, eles procuravam um Menino que sabiam ser o Salvador do Mundo, para O adorarem e Lhe oferecerem as prendas que traziam: ouro, incenso e mirra.
Um chamava-se Gaspar, que significa "o que vai com amor"; o outro chamava-se Belchior, que significa "o que vai suavemente"; e o terceiro chamava-se Baltasar, que significa "o que obedece à vontade de Deus, humildemente".
No Dia de Reis, é importante oferecermos nós também uma simples prenda a quem amamos.
Não é preciso darmos coisas caras ou complicadas.
Uma flor do campo, um desenho, um beijo, um sorriso... talvez sejam as prendas que os nossos pais, ou os nossos avós, ou os nossos amigos mais apreciem. Há pequeninos gestos de ternura que dizem mais do que todas as palavras do mundo.


Fonte: "O Livro do Natal" de Maria Alberta Menéres

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Colorir os Reis Magos









Recomeçar…

Pois é, uma Interrupção do Natal já terminou. Um novo ano começou -2010 - e nós regressámos cheios de energia para desejar a todos um bom ano, é altura de o fazer cantando ...

Canção 1

Vem aqui em Três rosinhas
Quatro ou cinco ou seis talvez
se o senhor nos dá licença
vimos lhe cantar os reis
Os Três Reis do Oriente
Já chegaram a Belém
Visitar o Deus Menino
que Nossa Senhora tem
O menino está no berço
coberto c'o cobertor
e os anjinhos estão cantando
Louvado sej'o Senhor
O Senhor por ser Senhor
nasceu nos tristes palheiros

deixou cravos deixou rosas
deixou lindos travesseiros
deixou também uma abelhinha
abelhinha com o seu mel
para fazer um docinho
ao divino Emanuel
Somos da Escola da Vimieira
E o que temos p'ra lhes dar
É apenas um sorriso
Por isso vamos cantar

Refrão:

Revivendo Tradições
Cantamos com alegria
P'r assinalar este dia
E em destas canções troca,
Saiba vossa senhoria,
Só pedimos uns tostões

Canção 2

Hoje é o dia cinco

Amanhã o dia seis

Se o senhor nos der licença

Vamos lhe cantar os reis

Cantar os Reis

Os reis cantamos

Dar BOAS FESTAS

Mas não demoramos

Venho aqui cantar os Reis

Não é por pão nem vinho

Venho dar as BOAS FESTAS

É da nossa Obrigação.

Venho aqui cantar os Reis

Em mandado do meu pai

Venho saber da Saúde.

Que aqui nesta casa vai.

Ó Abri, abri

se quereis abrir

é tarde da noite

e eu quero dormir

E vós sabeis bem

e vós sabeis bem

que no dia de hoje

se cantava os reis

Canção 3

Reis Santos, Santos Coroados
Vinde ver quem vos coroou
Foi a Virgem mãe sagrada
Quando por aqui passou

O caminho era torto
Uma estrela vos guiou
Em cima de uma cabana
Essa estrela se poisou

A cabana era pequena
Não cabiam todos três
Adoraram Menino Deus
Cada um por sua vez.

Related Posts with Thumbnails